Diário do Nordeste Plus

É FESTA!

Conheça mais sobre o mercado premium dos aniversários infantis da Capital, em que festas são orçadas em torno de R$ 60 mil

Publicidade
Publicidade

Texto: Bruna Salmito

O mercado de festas infantis vem se destacando ao longo dos anos. O segmento, que está inserido no setor de festas e cerimônias, movimentou R$ 16,8 bilhões no ano passado, segundo pesquisa realizada pela Associação Brasileira de Eventos Sociais, representando um crescimento de 68% em relação há cinco anos. Além do aumento registrado, o perfil das celebrações também vem mudando. A festinha, antes comemorada na própria residência, com direito a bolo encomendado na melhor padaria e convites feitos por telefone, deu espaço a grandes celebrações realizadas em buffets, com uma produção intensa, muitas vezes semelhantes a casamentos.

A exemplo estão as festas comemoradas em espaços nobres , com bolos de vários andares, decoração com rosas e até cristais, doces finos e muito glamour. Requinte adotado muitas vezes em aniversários dos filhos de artistas locais, como Solange Almeida, José Alexandre Filho (Xand Avião), Wesley Safadão e Simone Menezes. De acordo com Felipe Araújo, cerimonialista há 10 anos, muitas mães querem ter os mesmos mimos daquelas festas. “Elas sempre perguntam quem fez o bolo, os doces, a decoração. E acabam querendo algo parecido. O que onera o orçamento”, diz.

O céu é o limite

Felipe Araújo
Felipe Araújo - Foto Thiago Gadelha

Segundo o especialista em cerimonial infantil, o mercado de festas bem produzidas, consideradas de luxo, pode ser caro, algo a partir de R$ 60 mil. Felipe conta que chegou a produzir festas orçadas em meio milhão de reais.

“Lógico que são situações específicas. Era uma festa para mil convidados, tivemos que climatizar o jardim inteiro, foi servido uma champanhe que custava em média R$ 300 a garrafa. Em outra ocasião, fizemos um aniversário para pai e filho no mesmo dia. Celebramos primeiro o aniversário infantil e depois o do pai. Para que as crianças não ficassem na festa adulta, que só começava às 22h, contratamos serviço de motorista particular para levá-las junto com as babás para casa”, diz.

“Lógico que são situações específicas. Tivemos que climatizar o jardim inteiro, foi servido uma champanhe que custava em média R$ 300 a garrafa”, Felipe Araújo

1. BUFFET

Influencia o número de convidados, o tipo cardápio adotado, o tempo de festa e a inclusão de bebidas alcoólicas

2. DECORAÇÃO

Exclusividade, estrutura e extras. Em alguns casos, o custo com decoração chega a ser maior do que o do buffet

3. ENTRETENIMENTO

Personagens da temática da festa, palhaços e recreadores. Bandas também estão inclusas

4. FOTO / FILMAGEM

O tipo de álbum, o número de fotos, books externos, o número de profissionais para a cobertura da festa

5. PAPELARIA

Convites diferenciados, menus impressos, adesivos e placas temáticas, além de toda a identidade visual

6. DOCES

Chocolates finos, pirulitos e doces personalizados. Sabores e ingredientes exóticos também encarecem

7. BOLO

O número de andares, adereços na decoração do bolo, como rosas e cristais, e de andares comestíveis

8. GERADORES

A quantidade de geradores e a potência de cada máquina (quanto maior a potência, mais caro será o aluguel)

9. LEMBRANÇAS

Centros de mesa, peças decorativas, lembrança para os pais, familiares em geral e crianças convidadas

10. EXTRAS

Carrinho de guloseimas, segundo vestido, fotos impressas na hora, guardanapo e cadeiras personalizados

*Segmentos foram elencados por cerimonialistas e representam uma média proporcional dos gastos em festa.

Apesar do número parecer exorbitante, muitas mamães e papais não se intimidam diante do valor e fazem o possível para realizar o sonho dos filhos, que, muitas vezes, é também dos próprios pais. E, como não há limites para um sonho, muitos fazem como podem: usam as economias, parcelam e até recorrem a empréstimos.

“Muitos pais fazem de tudo para oferecer uma boa festa para os filhos. E o nosso objetivo (dos cerimonialistas) é conseguir realizar o sonho da mãe dentro daquele orçamento que ela tem. A gente pode ir tirando uns extras, alterando algumas coisas”, ressalta Felipe.

Construindo o sonho

O serviço de um cerimonialista, um buffet interessante, uma decoração caprichada, doces personalizados, uma animação legal, lembrancinhas que remetam ao tema da festa, um convite diferenciado, foto e filmagem para registro, e ‘o bolo’, são itens fundamentais que devem compor uma bela festa, diz a cerimonialista Liduína Figueiredo, da Pah Comunicação e Eventos.

Para isso, tempo é fundamental. “Como muitos fornecedores precisam de prazo, é interessante que a organização tenha início pelo menos seis meses antes do dia da festa”, destaca Figueiredo.

Liduina Figueiredo
Liduina Figueiredo - Foto JL Rosa
“É interessante que a organização tenha início pelo menos seis meses antes do dia da festa”, Liduina Figueiredo
Ordem de organização de festa infantil

Além do prazo ideal, é importante ficar atento aos fornecedores. Encontrar profissionais capacitados e experientes é ter a certeza de que a festa será especial. Confira guia abaixo com dicas de profissionais especializados em cada segmento da festa.

Serviços

Fornecedores foram indicados por cerimonialistas e profissionais do meio